unimed

A expectativa é que no mês de junho a Central Nacional Unimed (CNU) assuma a gestão da Unimed de Itabuna.

A medida é em virtude das regras do ANS, que estão muitos duras, e os planos tem que ter uma reserva de recursos muito grande, ficando inviável para plano relativamente pequeno, correndo o risco dos cooperados terem que colocar dinheiro para sanar as contas.

Já a CNU é considerada um fundo garantidor, recebendo aportes de todas as Unimeds do país, tendo um faturamento mensal de R$ 300 milhões.

Segundo informações, a Unimed de Itabuna tem aproximadamente 80 funcionários, com a migração, o número deverá cair para apenas 30 funcionários.