O distrito de Taboquinhas, em Itacaré, vai ganhar uma Academia de Saúde, numa parceria da Prefeitura e o Governo Federal, através da emenda do deputado federal Ronaldo Carletto. A academia vai ser construída na área em frente ao Hospital de Taboquinhas e, segundo o prefeito Antônio de Anízio, tem como objetivo levar muito mais saúde e incentivar a prática de exercícios, esportes e atividades de lazer. O projeto já foi aprovado pelo Ministério da Saúde e a Prefeitura de Itacaré aguarda a liberação dos recursos para iniciar a construção imediata da unidade.

 O polo de saúde será na modalidade intermediária, num investimento de R$ 125 mil, contando com área coberta e espaço livre com diversos equipamentos. De acordo com o secretário municipal de Saúde, Ricardo Lins, esse grande equipamento vai beneficiar a população como um todo, melhorando a qualidade de vida, diminuindo os índices de hipertensão e diabetes, além de contar com equipamentos modernos e o apoio de profissionais qualificados para desenvolver atividade física em apoio aos programas da atenção básica. “Esse é mais um presente da Prefeitura, em parceria com o Ministério da Saúde, para os cidadãos de Itacaré”, complementou.

 O Programa Academia da Saúde tem como um de seus pontos centrais a implantação de polos dotados de infraestrutura, equipamentos e profissionais qualificados, o que potencializa a realização de ações variadas de promoção da saúde, como as práticas corporais e atividades físicas, promoção da alimentação saudável, mobilização da comunidade, práticas artísticas e culturais, gestão participativa, entre outras preconizadas pelo Programa. Trata-se mais um espaço do SUS de referência e de vivência nos territórios que compõem as redes de atenção à saúde.

 O Academia de Saúde de Taboquinhas terá uma área coberta de apoio, também chamada de edificação de apoio, que terá sua funcionalidade referente à proteção ao clima (sol e chuva) e à realização de atividades simultâneas e coletivas. Já a área descoberta será um espaço que deverá ter uma parte livre para atividades coletivas sem uso de aparelhos, e outra facultativa a ser preenchida por equipamentos de exercício físico de alvenaria, que deve ser organizada de maneira a garantir a circulação de várias pessoas ao mesmo tempo e a realização do exercício nas várias amplitudes. Esses equipamentos facultativos são barra horizontal tripla, barra paralela, bancos, prancha abdominal, barra marinheiro, espaldar e a barra fixa de apoio.

O distrito de Taboquinhas, em Itacaré, vai ganhar uma Academia de Saúde, numa parceria da Prefeitura e o Governo Federal, através da emenda do deputado federal Ronaldo Carletto. A academia vai ser construída na área em frente ao Hospital de Taboquinhas e, segundo o prefeito Antônio de Anízio, tem como objetivo levar muito mais saúde e incentivar a prática de exercícios, esportes e atividades de lazer. O projeto já foi aprovado pelo Ministério da Saúde e a Prefeitura de Itacaré aguarda a liberação dos recursos para iniciar a construção imediata da unidade.

O polo de saúde será na modalidade intermediária, num investimento de R$ 125 mil, contando com área coberta e espaço livre com diversos equipamentos. De acordo com o secretário municipal de Saúde, Ricardo Lins, esse grande equipamento vai beneficiar a população como um todo, melhorando a qualidade de vida, diminuindo os índices de hipertensão e diabetes, além de contar com equipamentos modernos e o apoio de profissionais qualificados para desenvolver atividade física em apoio aos programas da atenção básica. “Esse é mais um presente da Prefeitura, em parceria com o Ministério da Saúde, para os cidadãos de Itacaré”, complementou.

O Programa Academia da Saúde tem como um de seus pontos centrais a implantação de polos dotados de infraestrutura, equipamentos e profissionais qualificados, o que potencializa a realização de ações variadas de promoção da saúde, como as práticas corporais e atividades físicas, promoção da alimentação saudável, mobilização da comunidade, práticas artísticas e culturais, gestão participativa, entre outras preconizadas pelo Programa. Trata-se mais um espaço do SUS de referência e de vivência nos territórios que compõem as redes de atenção à saúde.

O Academia de Saúde de Taboquinhas terá uma área coberta de apoio, também chamada de edificação de apoio, que terá sua funcionalidade referente à proteção ao clima (sol e chuva) e à realização de atividades simultâneas e coletivas. Já a área descoberta será um espaço que deverá ter uma parte livre para atividades coletivas sem uso de aparelhos, e outra facultativa a ser preenchida por equipamentos de exercício físico de alvenaria, que deve ser organizada de maneira a garantir a circulação de várias pessoas ao mesmo tempo e a realização do exercício nas várias amplitudes. Esses equipamentos facultativos são barra horizontal tripla, barra paralela, bancos, prancha abdominal, barra marinheiro, espaldar e a barra fixa de apoio.